Terça, 29 de Setembro de 2020 18:22
99 3199-1120
Esportes O QUE ESTÁ HAVENDO?

Sampaio amarga a segunda derrota consecutiva na Série B do brasileirão

A derrota por 1 x 0 pro Juventude jogando em casa no Castelão e deixa o Tricolor maranhense ocupando por enquanto a lanterna da Série B.

11/08/2020 22h30 Atualizada há 2 meses
77.836
Por: Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Jogando em casa pela primeira vez na Série B do Brasileiro, o Sampaio não conseguiu superar seu segundo desafio pelo torneio. Recebendo o Juventude, na noite desta terça-feira, a Bolívia Querida, foi derrota em pleno Castelão pelo time gaúcho, com o placar mínimo de 1 a 0. De pênalti, João Paulo converteu para o Papo, que mantém 100% de aproveitamento na Segundona. Já o Tricolor Maranhense amarga a segunda derrota seguida, e ocupa temporariamente a lanterna da competição.

Primeiro tempo:

Diferente da partida diante do Vitória na primeira rodada, o Sampaio se mostrou bem confortável nos minutos iniciais da primeira etapa. Sempre tocando bem a bola, e abrindo jogadas de perigo pelos extremos. Mas isso não intimidou o time adversário. O Juventude apresentou seu cartão de visitas, com conceito de jogo apoiado na boa organização tática e poder de contra-ataque. Chegou até a balançar as redes primeiro, mas jogada estava irregular. O Sampaio respondia explorando jogadas com ligações diretas e passes em profundidade. Em uma delas, os donos da casa quase abriram o placar, mas Eloir desperdiçou a chance mais clara da Bolívia Querida nos primeiros 45 minutos.

Segundo tempo:

Na segunda etapa, o Juventude prevaleceu mais em campo. Manteve a organização e era efetivo em praticamente todas as jogadas de ataque. Em uma delas, logo aos seis minutos, Breno aproveita a cochilada de Joazi, e acha Helder em boa posição dentro da grande área. O lateral-esquerdo tentou avançar, mas foi derrubado por Daniel Felipe, que chegou totalmente atrasado no lance. João Paulo, que nada teve a ver com isso, converteu o pênalti e abriu o placar. Na sequência da partida, o jogo foi diminuindo de ritmo, e jogadas de contra-ataque já não eram mais vistas com frequência. Em vantagem, a Juve aproveitava para envolver o time tricolor com passes. Sem a bola, fechava a linha de defesa com perfeição, sem deixar espaços para a equipe maranhense.

Próximos jogos:

O Sampaio tentará ganhar seus primeiro pontos no campeonato diante da Chapecoense, fora de casa. Partida acontecerá no Domingo (16), às 11h, na Arena Condá. Já o Juventude, visita o Paraná, no Durival Britto, com jogo marcado para a sexta-feira (14), às 21h30.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.