Domingo, 12 de Julho de 2020 23:08
99 98131-0721
Polícia CRIME BÁRBARO

Sargento da Polícia Militar é morto com um tiro na cabeça em São Luis

Washington Ferreira Nogueira, 52 anos, estava indo pro trabalho e foi morto na manhã desta quarta-feira (26), na região do Miritiua, em São José de Ribamar, situado na Região Metropolitana da capital maranhense.

26/02/2020 11h49
45.472
Por: Redação
Local de onde o sargento da PM foi morto (Foto: Divulgalção/Redes Sociais)
Local de onde o sargento da PM foi morto (Foto: Divulgalção/Redes Sociais)

Um sargento da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA), identificado como Washington Ferreira Nogueira, de 52 anos, foi assassinado com um tiro na cabeça no início da manhã desta quarta-feira (26) na região do Miritiua, em São José de Ribamar, situado na Região Metropolitana de São Luís.

Segundo as informações da polícia, o militar estava se deslocando para o trabalho quando foi surpreendido por um suspeito que atirou e matou com um tiro na cabeça o sargento que era lotado no 8º Batalhão da Polícia Militar (8ºBPM).

A arma do sargento assassinado foi levada juntamente com a mochila que ele levava o seu material, já que ele iria tirar um plantão de 24 horas de serviço.

De acordo com o tenente Jota Júnior, que pertence também ao 8ºBPM, disse que a polícia acredita que o sargento foi vítima de uma tocaia.

"A gente acredita que pela dinâmica como era de hábito ele ir para a companhia, onde ele trabalhava que era no Araçagi, fazer esse trajeto a pé e os bandidos de posse dessa informação acredito que ficaram de tocaia e assim que ele passou o executaram logo" - disse o tenente.

O tenente Jota Júnior disse que a polícia já está em campo no intuito de identificar e prender o autor do crime.

"A polícia já está em campo, já tem informes de quem é o mandante e o executor. A gente acredita que dentro de poucas horas a gente bota a mão nesse elemento" - finalizou.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.