Quarta, 03 de Março de 2021 14:36
99 3199-1120
Destaque COVID-19

Com suspeita de nova variante do Coronavírus no Maranhão, Justiça analisará pedido de "lockdown"

A ação movida pela Defensoria Pública, é resultado depois do aumento no número de casos de Covid-19 e ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que ultrapassaram os 80%.

03/02/2021 14h08 Atualizada há 4 semanas
Por: Willamy Figueira
Foto: Divulgação/Pngtree
Foto: Divulgação/Pngtree

O pedido feito pela Defensoria Pública do Maranhão, de "lockdown" em todo os 217 municípios maranhenses, ficou a caráter do juiz da Vara de Interesses Difusos e Coletivos, Douglas de Melo Martins que deu uma prazo de três dias para que o Ministério Público juntamente com os municípios e o Estado se pronunciem a cerca do pedido favorável ou não baseado em dados da Pandemia.

Entenda:

Nesta segunda-feira (1°), um grupo de defensores públicos ingressaram uma ação na Justiça, pedindo lockdown por 14 dias em todo o estado e as razões que levaram ao pedido de bloqueio total", é a explosão no aumento nos casos de Covid-19 em diversos municípios e também a ocupação nos leitos de UTI's que ultrapassaram mais de 80% em São Luís e Imperatriz.

Restrições do lockdown pedido pela Defensoria:

  • A restrição da circulação de veículos particulares, podendo ser usados exclusivamente para deslocamento de pessoas em atividades essenciais, compra de gêneros alimentícios e medicamentos, ou atendimento médico hospitalar;
  • Suspensão do serviço de transporte rodoviário intermunicipal;
  • Restrição da circulação de veículos particulares em rodovias do Maranhão, podendo ser liberados somente para o deslocamento de pessoas em atividades ligadas à atividades essenciais ou para compra de alimentos, medicamentos e atendimento médico;
  • Limitar o funcionamento do transporte público urbano, garantindo o mínimo necessário para garantir o deslocamento de pessoas ligadas à atividades essenciais;
  • Implantação de regras de biossegurança para funcionamento das atividades essenciais e transprote público urbano;
  • Proibição de eventos sociais públicos e privados de qualquer natureza, indepedendente do número de pessoas;
  • Proibição de música ao vivo ou mecânica, inclusive ambiente, em bares e restaurantes.

Os defensores pedem, ainda, que a fiscalização do cumprimento das medidas seja realizada pelas polícias civil e militar, com apoio do governo estadual, assim como outros funcionários públicos estaduais da área.

Nova variante do Coronavírus:

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), não descartou ainda a possibilidade da nova variante da Convid-19 ter chegado no Maranhão e está acompanhando de perto a investigação com 20 amostras referentes a pacientes que tiveram alguma suspeita de Covid-19 com características que poderiam indicar a presença de uma variante do novo coronavírus.

De acordo com estudos científicos, essa nova variante que já foi identificada em Manaus - AM, é mais mortal e tem uma taxa de infecção mais rápida.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.